fbpx

Análise do mercado :: semana 12 à 16 de Julho

Há praticamente 04 semanas estamos observando, no índice futuro do Brasil, uma correção ‘leve’. Nesta próxima semana a agenda econômica é relativamente tranquila o que pode favorecer algum movimento de recuperação, no curtíssimo prazo, especialmente porque os índices internacionais tiveram um pregão bastante positivo na última 6a. feira.

Continuam as discussões no Congresso Nacional em torno da proposta de reforma tributária. A depender destes desdobramentos poderemos ter mais volatilidade nos mercados.

No que diz respeito aos mercados internacionais, continuamos observando um movimento bastante otimista, principalmente nos EUA e Alemanha. Interessante notar que o otimismo persiste mesmo diante do fantasma da inflação rondando alguns mercados de grande relevância. Vamos acompanhar com atenção as cenas dos próximos capítulos desta novela. Vejam nossos comentários a seguir.

Análises gráficas

As análises abaixo refletem apenas opiniões de cunho pessoal, e não ecoam de maneira alguma qualquer tipo de recomendação de investimento. Além disso, as mesmas são estritamente gráficas, e não consideram qualquer variável adicional, incluindo as citadas no início desse texto.

Por último cabe comentar que os gráficos deste documento são na periodicidade de 60 minutos, que indicam tendências de curtíssimo prazo para os ativos. Diante disto, recomendamos que não sejam utilizadas essas análises com objetivos de médio e longo prazo.

Índice Futuro no Brasil

O índice futuro brasileiro vem corrigindo há praticamente um mês, como podemos observar no gráfico a seguir.

Aparentemente encontrou suporte na região de 125.000 pontos.

A principal resistência da semana encontra-se por volta dos 129.000 pontos. Um fechamento acima deste patamar seria uma sinalização bastante forte de que os compradores retomaram o controle da situação, o que poderia levar os mercados a fazer um novo teste do topo histórico e quiçá superá-lo.

Contratos de dólar & DXY

Os contratos futuros de dólar apresentaram forte valorização nos últimos dias. Possivelmente teremos uma congestão formada entre 5224-5340 pontos, conforme destacado no gráfico a seguir. Esta poderia ser a formação de uma bandeira de alta. Vamos aguardar a confirmação.

É preciso ter cautela diante da atual dinâmica que envolve a possibilidade de ajuste nas taxas de juros americanas, como mencionado no início desta análise, e o andamento das reformas no país, o que ajudaria remover alguns ricos que deveriam estar refletidas na nossa política monetária.

O índice DXY vem apresentando uma queda importante nos últimos dias. A perda dos 92.000 pontos poderia levar o mercado a testar novamente a região de 91.400 pontos nas próxima semanas. É preciso ficar atento às perspecitvas deste importante ativo, especialmente diante da possibilidade de aumento da taxa de juros nos EUA.

S&P 500 + DAX (Alemanha)

A economia americana vem produzindo sinais de recuperação, no entanto, com uma série de divulgações dúbias, com alguns números que foram divulgados inferiores às expectativas dos mercados.

A tendência de alta se mantém de forma importante, apesar de o mercado ter perdido a LTA (linha de tendência de alta) que vinha sendo respeitada desde março de 2020 (auge da crise do COVID).

O índice da Alemanha, por sua vez, mantém uma trajetória de lateralização e, na última 6a feira, o pregão foi dominado pelos compradores.

Commodities / Metais / Bitcoin

Também com uma recente alta expressiva, os preços do barril de petróleo (WTI) operam numa clara tendência de alta, e tendo buscar sua resistência na casa dos USD 77/bbl.

Relatórios recentes divulgados pela OPEC e também pela IEA, sugerem otimismo com relação à demanda, embora mencionem que as incertezas ainda são bem consideráveis. Graficamente pudemos observar uma correção profunda no gráfico de 60 minutos, com candles de corpo grande. Agora o mercado revisita a retração de 62% da última perna de queda. Apenas uma superação dos 75 dólares seria uma sinalização mais positiva, para desfazer o movimento de queda produzido recentemente.

Os preços do minério de ferro e de cobre depois de subirem de forma muito acentuada, num misto de disrupção da cadeia de suprimentos, e uma demanda inesperada vinda principalmente da China, operam neste momento de forma mais cautelosa após sofreram recentemente com a notícia de que o país tentará controlar de alguma forma os preços das commodities.

Ouro / Bitcoin

O metal após dar sinais que havia rompido para cima um importante canal de baixa (bandeira de alta?), voltou a operar dentro do mesmo, indicando um falso rompimento.

Já o bitcoin corrigiu de forma abrupta, e vem operando mais recentemente entre 30-40mil USD, podendo ter marcado um fundo / suporte na casa dos USD 30mil d resistência por volta dos USD 35 mil.

Agenda econômica

O calendário econômico desta semana trará uma série de divulgações importantes. Destacamos a seguir os indicadores econômicos que serão divulgados e que podem contribuir para o incremento da volatilidade dos mercados..

Se este conteúdo lhe foi útil de alguma forma, não esqueça de compartilhar nas listas de discussão que você participa.

Aproveitamos também para agradecer as 1.342 inscrições e convidá-los a assistirem os principais vídeos do nosso canal do Youtube:

 

Para receber outras informações diárias, curta nossa página no Facebook ou inscreva-se no nosso canal do Telegram, TwitterInstagram. Postamos diariamente algumas idéias, nessas redes sociais, e sua participação e feedback serão mais do que bem vindos. 

Produtos para investidores



Leia também…

Tagged

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

seventeen + nine =